FUTEBOL URUGUAYO:

'' É uma religião nacional. A única que não tem ateu. Somos poucos: 3,5 milhões de uruguayos. É menos gente do que um bairro de São Paulo. É um país minúsculo. Mas todos futebolizados. Temos um dever de gratidão com o futebol. O Uruguay foi colocado no mapa mundial a partir do bicampeonato olímpico de 1924 e 1928, pelo futebol. Ninguém nos conhecia.

O futebol uruguayo é o melhor? Não. No mundo guiado pelas leis do lucro, onde o melhor é quem ganha mais, eu quero ser o pior. Não poderíamos sequer cometer o desagradável pecado da arrogância. Seria ridículo para um país pequeno como o nosso. Não somos importantes, o que é bom. Neste mundo de compra e venda, se você é muito importante vira mercadoria. Está bom assim.

Como explicar Uruguay?.... Somos um pouco inexplicáveis. Aí é que está a graça".

EDUARDO GALEANO - Escritor

domingo

JOGADOR URUGUAIO REVÉTRIA: EX-JOGADOR DO CRUZEIRO E.C.



Hebert Carlos Revetria (*27 de Agosto de 1955) conocido simplemente como Revétria, es un ex futbolista uruguayo, delantero de origen italiano.


Con exitosa trayectoria en el fútbol internacional jugando en Cruzeiro de Brasil, en Tampico en , Neza y Universidad Autónoma de Guadalajara de México, en Tolima de  y en Cobreloa y Colo-Colo de Chile.
Además de los dos Equipos más importantes fútbol Uruguayo, Nacional y Peñarol.
Fue campeón en BrasilChile y Uruguay y uno de sus más gloriosos días fue cuando en su debut en el Cruzeiro brasileño anotó tres veces para derrotar 3-2 el tradicional rival Atlético Mineiro en el Campeonato Mineiro en 1977.